Tenho sido atacado nas redes sociais e na imprensa por defender a família, especialmente as crianças.

Acredito no que defendo. Antes de ser vereador eu sou pastor e pai de dois filhos; antes de tudo sou filho de Deus. Não me movo por modinhas nem cedo a movimentos de pessoas contrárias aos meus princípios e valores.

Sigo firme por uma Itajaí mais justa, trabalhando em favor das pessoas e defendendo as crianças. Juntos pela família.